© 2016 Projeto Templos Históricos

Instagram_v2.png

  Igreja de Nossa Senhora da Candelária

Visão Geral

Tipo:

Igreja

Orientação:

Católica

Estilo Predominante (exterior):

Neoclássico

Primeiro Templo:

1609

Templo Atual:

1811

Mantenedora:

*** Em levantamento.

Comemorações:

*** Em levantamento

Horário das Missas

A História

Tem como origem o pagamento de uma promessa feita pelo casal espanhol Antônio Martins Palma e Leonor Gonçalves. Com seu navio envolto em uma tempestade, o casal teria prometido construir um templo a N. Sra. Da Candelária, no primeiro porto que chegassem. Assim, aportando no Rio de Janeiro, o casal cumpre a promessa, comprando um terreno e erguendo a capela.

 

A mesma não devia ser de dimensões pequenas pois, em 1634, é transformada em sede paroquial (primeira matriz da várzea).

 

Em 1710, por encontrar-se em mal estado, foi reconstruída. Encontrando-se novamente em mau estado, em 1775, decide-se pela reconstrução da mesma sobre a forma de um santuário maior. Sua pedra fundamental é lançada em 06 de junho de 1775.

 

É inaugurada em 1811, mas ainda passa por várias modificações até 1898, quando chega-se ao seu formato atual. Segundo propaganda da época, o maior templo da América Latina. Em 1901, são instaladas as portas de bronze das entradas, feitas por Teixeira Lopes.

 

Sobreviveu as grandes mudanças realizadas no Centro da cidade. Com a demolição das casas ao seu redor, para a construção da Av. Presidente Vargas, obteve posição de destaque. Sua silhueta confunde as pessoas que não a conhecem, pois, entrando no Centro pela Av. Presidente Vargas, tem-se a impressão de estar de frente para a igreja quando, na verdade, o que se vê são os fundos da igreja.

Curiosidades
  • Não é possível precisar a data de edificação do primeiro templo, pois muitos documentos da irmandade foram perdidos quando da invasão de Duguay Truin, em 1711;

  • Como é possível ver nas fotos antigas, até 1943 ficava encravada entre quatro ruas. Porém, com a abertura da Avenida Presidente Vargas, foi muito privilegiada, ficando em uma praça e com plena plena visualização de todos os seus detalhes arquitetônicos;

  • No teto da igreja estão pintados painéis que contam a história da fundação da igreja.

Fotos - Antigas
Fotos - Interior
Fotos - Exterior
Como Chegar

Estação do Metro mais próxima:

Uruguaiana (aprox. 610 metros)

Use o Metrô! Salte na estação Uruguaiana. Nela, você deve procurar a saída para a rua Uruguaiana.

Logo em frente a saida estarão a Rua Uruguaiana, uma tranversal a você, e a Rua da Anfândega, uma reta que se inicia na Rua Uruguaiana e que o levará até as proximidades da Candelária.

 

Caminhado pela Rua da Alfândega, após atravessar a Avenida Rio Branco, você passará pela Igreja de Nossa Senhora Mãe dos Homens (lado esquerdo da rua), e no final da segunda quadra, encontrara a Rua da Candelária (a esquerda).

 

A Rua da Candelária o leva até as proximidades da frente da Igreja da Candelária. Ponto este onde já se pode observar os caminhos que levam até a igreja.

Redes Sociais e outros:
Localização

Endereço:

Praça Pio X, S/N

Telefone de contato:

(21) 2233-2324

 

E-Mail:

Não possui

Website:

Não possui

Horário de Funcionamento:

Segunda à Sexta, de 8 as 15:30h.

Sábados, das 9 às 22h.

Domingos, das 9 às 13h.

Templos Próximos:
Referências Bibliográficas

MAURICIO, Augusto. Igrejas Históricas do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Livraria Kosmos Editora / SEEC/RJ, 1978.

Participe! Deixe seu comentário abaixo.